Eu: “Gostavas de ir ao Festival do Panda?”
Ele: “Quem? Eu? Não, isso é para miúdos.”
Eu: “Ok, então não vamos.”
Ele: “Onde eu quero ir é a Reykjavik!”
Eu: “Onde?”
Ele: “Reykjavik, a capital da Islândia!”
Eu: “Mas porque carga de água havias de querer ir à Islândia?”
Ele, com toda a certeza conferida pelos seus seis anos: “Porque é um país fascinante!”

Anúncios